Olá leitores!

A resenha de hoje é de um super lançamento, que particularmente aguardei ansiosamente. Conheci essa história quando ainda estava no Wattpad e fiquei maravilhada com o livro. Tomei conhecimento desta obra pela minha querida amiga Vanessa Lopes, que foi indicada por outra amiga querida, a Jana, confesso que não li de imediato, continuei com outras leituras e fui deixando essa para mais adiante. Eis que um dia eu resolvi ler, e foi aí que eu cai perdidamente de amores pela história, e me arrependi de não ter começado a ler antes. Eu peguei a história quase sendo finalizada na plataforma, faltando apenas dois capítulos para o fim do primeiro livro. Minha euforia foi tanta, que a primeira coisa que eu fiz foi deixar uma mensagem para a Autora que dizia assim:“Sou sua fã desde pequenininha a partir de hoje!". Eu amei tanto que fiz questão de indicar para todas as minhas amigas. Além disso, outra coisa que me conquistou de imediato, foi a atenção e o carisma da Márcia. Hoje, posso dizer que ela é uma amiga querida, que tenho o orgulho e a honra de bater um papo legal e gostoso.



Bom, vamos conhecer um pouquinho deste livro...







Tão Perto é o primeiro livro da Autora Márcia Lima e foi lançado dia 07 de fevereiro em E-book na Amazon de forma independente. Muitos aguardavam esse lançamento – incluindo eu – ansiosamente. O livro conta a história de amor do casal Adrian Van Galagher e Laura Soares. Em uma trama totalmente envolvente, esse casal prende nossa atenção do começo ao fim, fazendo florescer diversas emoções.

Laura é uma jovem advogada brasileira que mora em Amsterdã a seis anos. Vive com sua gatinha Mia e trabalha no escritório de advocacia de sue grande amigo e mentor Hans, a quem considera como o pai que ela nunca teve. Mesmo sendo jovem já carrega nos ombros um escândalo na qual se viu envolvida em seu primeiro caso, onde foi acusada de oferecer favores sexuais ao juiz por ganhar o caso. Laura carrega na alma várias cicatrizes que a vida lhe deu, mesmo assim ela é forte e determinada.


“Hans era para mim como um pai que eu nunca tive, uma vez que o maldito Holandês que me gerou, deixou minha mãe grávida com alguns milhares de reais e um pedido de aborto. (...)”

Adrian é um homem experiente, egoísta, amargurado, muitas vezes grosso e impulsivo, mas que guarda um amor gigantesco pelos seus filhos, John, Hanna e Collin. Um homem marcado por um passado de deslealdade, traições e muita culpa. Viúvo a três anos ele luta na justiça para reaver a guarda de seus filhos que estão morando no Brasil com a avó materna. Decidido a dar o mundo em troca de ter seus filhos de volta, ele decide contratar a advogada Laura Soares para representar seu caso.

“(...) Eu viveria por eles. Eu os protegeria. Eu seria o pai que não havia sido até agora. Eu seria o pai que o meu não foi. Eu nunca mais me permitiria ser levado por sentimentos. Nunca mais.”

Mas nosso casal não se conhece dessa forma. E com uma simples trombada que Laura dá em Adrian nas ruas de Amsterdã, seu mundo muda no mesmo instante. Ela se vê encantada pelo loiro desconhecido.

“Os olhos dele me queimavam de dentro para fora. Aquele tipo de olhar que faz você se cobrir porque parece que o outro está olhando dentro da sua pele. Os olhos eram castanhos, levemente esverdeados. Estreitos e profundos como se o mundo o entediasse. Ele tinha ainda em torno do meu pulso – seu toque firme não era gentil, nem delicado. Nada naquele homem era delicado. Eu sabia que ele deixaria uma marca e sabia que não seria apenas no meu pulso.”

Adrian fica extremamente fissurado com uma pequena mulher de olhos castanhos profundos, após esbarrar nela ao acaso. Mesmo com a camisa toda suja de café, Adrian não consegue desviar seus olhares.


“Eu a segurei firme, muito mais firme do que precisava, eu queria sentir a pele dela contra meus dedos. Queria sentir sua pulsação. Queria deixar meu toque gravado ali, na pele clara dela.”

O que os dois não esperavam era que esse encontro seria o começo de uma conturbada relação profissional e amorosa. Adrian em momento nenhum quer se entregar a relação acreditando que não é capaz de amar. Ele é um homem extremamente ciumento e possessivo – Eu mesmo tenho vontade de dar umas sacudidas neles de vez em quando. Tanto Laura quanto Adrian tem uma personalidade forte e um passado cheio de dores e marcas. Ambos carregam no coração e na alma seus traumas e medos, porem cada um tem uma forma diferente de encarar a vida. Enquanto Laura é sonhadora e guerreira, Adrian é rabugento autoritário e bastante egoísta.



Outra coisa que não sai de sua cabeça de Adrian toda vez que ele resolve assumir os riscos com Laura, são as palavras de seu melhor amigo Alexander:

“- Laura é doce e meiga. Ela é jovem. Bonita. Ela tem vinte e seis anos Adrian, merece ter sonhos e merece alguém que realmente a faça feliz. Não faça isso.”

Aproveitando a deixa, vou falar um pouquinho sobre esse personagem tão importante na trama, o Alexander Persen. Alex (Príncipe) Persen é o advogado e braço direito de Adrian. Eles são muito mais que amigos, são como irmãos. Ele se manteve ao lado de Adrian em todos os momentos que o amigo necessitou.

“Ele era meu muito mais meu amigo do que meu advogado. Havíamos divido coisas demais nesses quinze anos de amizade. Desde o quarto no dormitório da universidade, haviam sido noite e dias de conquistas e decepções, todas partilhadas com ele. Éramos muito mais que amigos, éramos como irmãos.”

Alex tem um temperamento e a personalidade muito diferente do Sr. Galagher. Ele é um cara que veio de uma família humilde, lutou para obter êxito em sua profissão, é divertido, amigo, protetor e carismático. Logo no primeiro encontro com Laura eles tem uma conexão muito forte, onde tornam- se amigos. Laura encontra paz e proteção em Alex.

“- Hey, Laura! Um prazer revê -la – ele me disse com aquele sorriso que fazia todo dia parecer primavera.”



     Quem não entende muito bem essa amizade é Adrian, e com isso acaba colocando tanto sua amizade com Alex em risco, como coloca distância em Laura.

A trama é muito envolvente, cada capítulo é viciante. Essa história de amor regada de cenas quentes e muito drama rendem muitos sentimentos à flor da pele. Adrian é aquele mocinho cheio de traumas, um verdadeiro herói ferido – Apesar de que essa palavra não é muito apropriada para ele. Laura é uma mulher que luta pelo o que ela quer, tenta ser feliz a qualquer custo, muitas vezes é ingênua e sonhadora. Não tem como não amar esses personagens tão marcantes.

Mas a história vai ganhando forma, e fica cada vez mais envolvente. A vida dos dois muda completamente quando uma “chance” de encurtar o caminho para obter a guarda de seu filho aparece, e com isto Adrian e Laura selam um compromisso de fachada, mas que no interior de cada um existe a esperança escondida de que vire realidade.

“Então eu preciso de uma caneta, Sr. Galagher. E acho que preciso de um anel”.
                                                                                                                                   
A partir desse momento o casal enfrenta diversos sentimentos: o medo, o trauma, o amor, mágoas, ciúmes... E com isso, nós leitores passamos por uma leitura deliciosa, regada de um misto de sentimentos e expectativas. Adrian fica em alerta a todo o momento, sempre fugindo de se entregar por completo, e sempre frisando que é tudo fachada, mesmo sabendo que está mentindo descaradamente. Laura luta todo dia para provar a Adrian que ele pode ter uma vida novamente.

Mas, mais uma vez Adrian enfia os pés pelas mãos e estraga tudo no fim. Novamente desconfiado e com ciúmes da amizade entre Laura e Alex, Adrian toma uma decisão precipitada e um tanto mesquinha. Mas dessa vez ele não só afasta Laura de sua vida, mas como também perde seu melhor amigo.

E nossa querida Laura vai ter que enfrentar mais uma barra e muitas surpresas que a vida reservou para ela. Mas nem tudo são pedras, ela encontrará muitas flores em seu caminho. Laura é uma personagem que me cativou tremendamente. Gosto de “mocinhas” com personalidades semelhantes a dela.

Quando nosso querido herói ferido cai em si sobre a grande burrada que cometeu, ele decide correr atrás do prejuízo, mas o caminho para reconquistar seu amor e seu amigo não será tão fácil. Mas a vida reserva para ele uma coisa que ele sempre desejou no fundo da alma, mas nunca achou que seria possível acontecer.

“De tudo que Laura podia sonhar. De tudo que ela podia querer, eu havia dado á ela o impossível.”

Não canso de dizer o quanto essa história de me prendeu, me cativou e mexeu com meus sentimentos. Mesmo com todo esse misto de perdas e traumas, conseguimos ter momentos de amor sublime e incondicional. Os filhos de Adrian são carismáticos e dá vontade de levar para casa. Seu filho mais velho, o John, tem 17 anos apenas e uma personalidade incrível, um garoto que mostra um amadurecimento as vezes maior do que seu pai. Ele cria uma amizade linda e fiel com Laura, sem contar que também tem um papel fundamental no desenrolar dessa trama, onde ajuda o pai a enxergar as atitudes erradas que cometeu.

Enfim, para mim é uma história completa, apaixonante e muito viciante. Um drama muito bem desenrolado, estruturado e com muita delicadeza e propriedade. Uma história de amor, de superação, de reivindicação e redenção. Sem contar nas cenas quentes que esses dois nos proporcionam.

Mas a história ainda segue seu curso, e com isso nossa querida Autora nos deixa em expectativa para a continuação da trama, intitulada “Ainda mais perto”, que terá suas postagens através do Wattpad a partir de março. O negócio agora é esperar e rezar para não morrer de ansiedade.





 Adquira o E-book no Amazon por apenas R$7,70. Aproveite e conheça um pouco mais da autora e seus trabalhos no nosso blog, na página Autores, e nas redes sociais da Márcia:




Beijos e até a próxima!
Dai


4 Comentários

  1. Ahhh que sou louca nesse Adrian e pirada nesse Alex. Mah já está cansada de saber o quanto a admiro e amo o jeito que escreve.
    Tão Perto é sensacional. Ansiosa para a continuação, e já preparada para fortes emoções que imagino que virão.
    Ahhh, e tbm muito ansiosa para um tal de Martin ( QUE POR SINAL JA ESTÁ EM MEU NOME ♡ ) aparecer logo e deixar essa mulherada enliuquecida kkk
    Mah é foda.
    Dai tbm é foda e, mais uma vez, arrebentou na resenha.
    ♥ ♥

    ResponderExcluir
  2. Obrigada Van!
    Se não fosse por você, eu não conheceria esta história incrível!
    É muito, muito amor envolvido!

    ResponderExcluir
  3. Acabei de ler este livro, estou completamente encantada, perdida de amores... Meu coração está mais do que dividido. Mais tenho a certeza de que ele está completamente apaixonado caidinhovde amores.. Hora por Adrian, hora por Alex e hora por Jonh .
    Vou ter um bela ressaca literária. O livro é perfeito, lindo... Morri de amores, sorri, suspirrei, gritei... Um mix apaixonante!!!! Já estou ansiosa p ler os próximos.

    ResponderExcluir