“Sem música a vida seria um erro.”
Friedrich Nietzsche



Quem concorda com a frase de Nietzsche, levanta a mão! o/ 

A música existe desde os primórdios da humanidade. Os sons da vida fascinaram nossos ancestrais, que tentaram sintetizar em melodias primitivas sua história e emoções. Povos têm importantes rituais embalados por canções. 

Quantas histórias de amor não começaram ou terminaram com, ou por causa de uma música? 

Qual vida não foi tocada pela beleza, intensidade ou verdade da melodia ou letra de uma canção? 

A música traduz nosso silêncio, desnuda nossas emoções, nos leva ao encontro de nós mesmos. 

Para mim, uma das cenas mais lindas de um filme está em Mr. Holland – Adorável Professor. Quando o personagem título, interpretado pelo genial Richard Dreyfuss, um professor de música, ensina ao filho deficiente auditivo, já um adolescente, a sentir a música. É uma cena de beleza sublime... No filme, era a primeira vez que o pai conseguiu compartilhar a paixão de sua vida, com seu único filho. E não para por aí, com a ajuda do filho, o musicista consegue compor e realizar um concerto para aqueles que foram privados da audição. 

A música, mais do que ser ouvida, necessita ser sentida, experimentada, degustada, saboreada... Não importa o estilo escolhido, desde que ela toque o seu coração e o faça transbordar. 

No meu livro Meu Destino é Você, a personagem Eva Martins, uma violoncelista, sente e interpreta o mundo e suas emoções através da música. Eva sente e percebe as notas e melodias que, na correria do nosso atarefado dia a dia, nos passam despercebidas. Enxerga a beleza dos sons cotidianos. E é essa sensibilidade que encanta o paisagista Theo Santini. 

Como é lindo e contagiante o som de uma boa gargalhada! E se for de um bebê então? Nosso coração se desmancha diante desse som tão rico, inocente e belo. E as notas de uma exclamação de surpresa? E quanta beleza e sensualidade existem na melodia de um beijo apaixonado... 

A música da vida não é feita apenas por melodias escritas por renomados compositores. Ela acontece quando os sons da tecla do notebook ressoam através da sala enquanto escrevo essas despretensiosas palavras. 

A música da vida também é feita de silêncios ensurdecedores, dos sons de abraços apertados e promessas sussurradas. Do choro dolorido e contido à felicidade compartilhada. 

Já nascemos musicais! 

Não acredita? 

Coloque uma das mãos sobre o seu coração, sinta e também ouça a melodia da música da vida. 

Tum-tum, Tum-tum, Tum-tum... 

Um beijo musical no coração de cada um, de cada uma!







A AUTORA
Nina Reis, cresceu, casou e vive na cidade de Santos/SP, pela qual é apaixonada. Casada há dezesseis anos e mãe de um menino de doze anos, divide seu tempo entre a família, o trabalho na área de telecomunicações e a paixão pela escrita. Apesar de escrever desde o inicio da adolescência foi, somente em 2011, ao participar de um concurso de contos, promovido por um blog, que decidiu que era a hora de encarar o sonho de ser escritora. É autora da Série Santuário, dos contos Uma Flor no meu caminho e Um amor de secretária e do livro Meu Destino é Você, recém publicado no Amazon.

Facebook  Grupo Facebook  Wattpad ♥ Widbook ♥ Site







Um Comentário

  1. Que lindoooo! Simplesmente apaixonada por este post e essas palavras <3

    ResponderExcluir