As ruas de Grays Harbor escondem um assassino. Mulheres jovens estão morrendo e sendo abandonadas pela cidade. Mas, o agente do FBI, Hector Parker, está disposto a fazer de tudo para identificar o assassino. Porém, uma das mortes o destruiu: Evangeline Parker, grávida de cinco meses. Uma nota junto ao corpo de sua amada esposa: Eu sei que está atrás de mim, mas jamais me encontrará. Eu sei quem você é, mas não sabe quem eu sou. Então, ele jurou vingança.
“Eu sei que está atrás de mim, mas jamais me encontrará. Eu sei quem você é, mas não sabe quem eu sou.”
As investigações os levam até a Boate D’votion, onde um clube BDSM funciona nos seus andares superiores. O dono, Marcus King, e os outros membros do clube, e tornam os suspeitos do FBI. Oito mulheres já foram mortas. O FBI precisa encontrar o assassino, antes que ele encontre a sua próxima vítima.

Onde comprar:  Amazon   Loja da Editora  

Ficha técnica do livro:
Páginas: 247 | Gênero: Romance Policial; Erótico; Suspense e Mistério; Literatura Brasileira | Formato: E-book; Físico | Edição: 1ª | Editora: Planeta Literário | ASIN: B017J8MJZ4 | Idioma: Português | Ano: 2016



“Ele pega a foto de Evangeline e fica olhando para ela. Sua esposa, grávida de cinco meses, fora uma das vítimas, morta há um ano e seis meses. Ela fora deixada na praia com um bilhete:
Eu sei que está atrás de mim, mas jamais me encontraráEu sei quem você é, mas você não sabe quem eu sou”

O agente Hector Parker é o chefe da equipe que está investigando o caso do serial killer que está a solta na cidade. Dentro de 3 anos, já foram 8 mulheres mortas e o máximo que a polícia conseguiu descobrir foi o modus operandi do assassino, e agora depois de muito analisar desconfiam que o assassino provavelmente frequenta a única boate que tem práticas de BDSM, visto que quase todas as vítimas frequentaram a boate em algum momento.

Agora a boate de Marcus está sendo investigada pelo FBI, o dono e seus membros se tornam suspeitos do crime. E para completar, sua irmã, Nataly, pode ser uma das próximas vítimas, pois o assassino mata em ordem alfabética, e ele está quase chegando na letra N. O FBI então precisa descobrir o culpado antes que ele consiga atingir o seu objetivo.

“Ela saciou o meu desejo essa noite e, agora eu sei que vou conseguir dormir tranquilamente até que a minha necessidade volte.”
“O momento em que o corpo de uma mulher perde a vida, enquanto eu estou transando com ela, excita-me de uma maneira inexplicável.” 

Não posso falar muita da história porque qualquer detalhe é um spoiler e não quero estragar o mistério do livro. Bom, o enredo não me decepcionou, mas também não fascinou, entende? Achei o agente Parker bem influenciável, ele ia mais pela ideia dos outros do que a dele mesmo. E mesmo que a Nataly seja a vítima principal, achei que muita coisa desnecessária ficou girando em torno dela, com quem ela ficava, com quem ela praticava o BDSM, com quem ela ia dormir naquele dia. Talvez eu esteja mais acostumada com os suspenses que são mais voltados para o crime e tem poucos envolvimentos amorosos.

Contudo, a trama é bem instigante e intensa. Se tem uma coisa que a autora não deixou a desejar foi na descrição das cenas, todas com uma riqueza impressionantes de detalhes. Na hora dos assassinatos eu fiquei com muito nervoso, o cara era perverso, praticamente senti as dores das vítimas. E as cenas de BDSM foram quentes. Uma mistura de suspense e romance hot que deu certo, mas ainda prefiro os suspenses sem tanto romantismo.

Enfim, foi uma boa leitura. A autora elaborou um enredo bem envolvente, os personagens nos cativam logo no início. Falando em personagem... teve um que me conquistou “de cara”, fiquei apaixonada sem precisar saber muita coisa dele. Eu sou assim... intensa! O que posso fazer?! kkkk Não vou dizer quem, senão estrago a história para quem for ler. Mas, com toda a certeza, foi um suspense surpreendente e gostoso de acompanhar!

“Nataly é a peça principal do meu jogo; ela é o que incentiva nessa busca por prazer. Jamais vou esquecer-me do seu sorriso quando a vi pela primeira vez.” 





Sobre a autora:






Julianne Rodrigues Ramos (Julie Lopo) Nascida em São Paulo capital, formada em Direito. Leitora compulsiva, chegou a ler 25 livros em um mês. Viciada em livros, chocolate, sapatos e maquiagem. Sempre gostou de escrever, mas parou quando uma professora disse que não tinha talento, mas nunca desistiu do seu sonho. Gosta de filmes românticos, de comédia e de ação.




11 Comentários

  1. Eu terminei sua resenha sem saber o que pensar. Pela capa, eu já diria que era mais um daqueles livros hot (nada contra, até curto), mas aí vi que era sobre um assassino em série e aí fiquei tipo, whats? Não sei se leria, não gosto de livros onde ficam descrevendo em tantos detalhes o sofrimento da vítima. Não descarto a leitura, mas não priorizo também.

    ResponderExcluir
  2. Nunca li nenhum livro com uma história parecida, nada com serial Killer ou algo do tipo, mas acho que preciso mudar isso. Pela capa do livro eu não poderia imagina que nele tem suspense e mistério, fui enganada rs Gostei das informações que você colocou na resenha, e super concordo que é chato e cansativo quando o livro foca em informações desnecessárias. Ah, não me diz que você se apaixonou pelo serial killer hahaha
    Beijos, flor.
    http://www.livrofilia.com/

    ResponderExcluir
  3. Olá!

    Não conhecia o livro, mas não me lembro de ler algo parecido. Mas gostei da premissa, por mais que no momento eu não procure nada hot, acho que vale a pena sim a leitura, ainda mais pra sair da zona de conforto.

    ResponderExcluir
  4. Oiii!!

    Eu não conhecia a obra nem a autora. E fiquei animada com esse enredo criado, acho que as melhores obras são aquelas que nos cativam como essa fez contigo.

    Ótima resenha!!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  5. Olá, eu ainda não conhecia esse livro, mas pela sua resenha me parece uma história realmente bem intensa, mas não sei se gostaria dessa mistura de erotismo com assassinatos, só lendo para saber.

    ResponderExcluir
  6. Olha, esse livro tem tudo para eu não gostar dele... Não curto hot, muito menos se for pro lado do BDSM, e odeio cenas violentas, então só de saber que tudo é bem descritivo, inclusive os assassinatos, já não quero nem passar perto. Nunca que eu teria estômago para uma leitura dessas.

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bom?
    Não conhecia o livro nem a autora e confesso que curti muito essa premissa onde o assassino, que mata em ordem alfabética, pratica seus crimes a anos e só conseguiram descobrir seu modus operandi! Curti essa pegada de investigação para que o irmã do personagem e que ela praticava BDMS me deixou bem curiosa! Sugestão anotada para uma próxima leitura!

    Beijos!
    @PollyanaCampos
    Entre Livros e Personagens

    ResponderExcluir
  8. Oiee ^^
    Ainda não conhecia esse livro, mas como eu não gosto de eróticos, e também não gosto de romances policiais, não fui fisgada pela premissa.Eu não gosto de livros que mostram o pior do ser humano, a não ser que sejam histórias reais. De coisa ruim já basta na vida, né?
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  9. Olá! Que leitura diferente, suspense com hot! Ainda mais porque você menciona que todas as cenas são tão bem detalhadas! Eu gosto muito desse tipo de suspense em que o leitor fica ansioso para saber a próxima cena, ainda mais quando ela é super bem descrita! Vou procurar para leitura com certeza!
    Beijos!
    Karla Samira
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi, a premissa parece boa e talvez o suspense tenha girado em torno dos relacionamentos amorosos, porque o principal suspeito fosse alguém com que ela tivesse saindo, ou sei lá. Só lendo pra criar teorias. Já imagino quem seja a pessoa que você se apaixonou logo de cara, hahhaha.

    http://porredelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Olá,
    Embora eu não tenho o hábito de ler muitos romances policiais/suspenses, o que me chamou a atenção é você dizer que todas as cenas eram muito bem descritas e ainda assim não tornaram-se cansativas.
    Claro que fiquei intrigada para saber quem é o serial killer que anda matando todas essas mulheres como boa curiosa que sou (risos).
    Adorei saber suas impressões.

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir