A Pedrazul Editora liberou a pré-venda de seu novo lançamento, Um Amor Conquistado. O romance da paulistana Silvia Spadoni que estampa o selo Pedrazul Revelações está recheado de amor, paixão, contexto histórico da Revolução Francesa e da Inglaterra no século XIX. Imperdível! A obra já pode ser adquirida no site da editora por apenas R$ 25,90.


Um Amor Conquistado é o primeiro volume da Série Amores, que contará com mais dois romances: Um Amor Inesperado, livro dois, e Um Amor Apaixonado, livro três. Toda a série será publicada pela PedraAzul Editora com intervalo de dois meses.



Ainda criança, Sophia foi levada para a Inglaterra para fugir da perseguição e do terror impostos pela Revolução Francesa. Com medo de ser descoberta, nunca revelou sua origem nobre, mas manteve viva a esperança de reencontrar sua família. Após o falecimento da madrinha, Sophia se vê obrigada a buscar trabalho para sobreviver e, por isso, se candidata à vaga de preceptora de Louise, a sobrinha órfã do conde de Buckington, um nobre conhecido pela sua frieza e arrogância. Uma brincadeira do acaso e ela se vê diante da possibilidade de voltar à França sob a proteção do nobre inglês e de descobrir o que aconteceu com seus pais. Mesmo avisada sobre os riscos, ela decide seguir em frente, ainda que isso signifique fingir ser a noiva do conde de gelo. Edward é um homem frio e arrogante, disposto a qualquer coisa para vingar-se do francês que destruiu seu irmão, até mesmo embarcar para a França em companhia de uma desconhecida apresentando-a como sua noiva. Ele conhece os riscos da empreitada, só não está preparado para os sentimentos contraditórios que invadem seu coração.



Ficha Técnica:
Páginas: 208 | Gênero: Romance; Literatura Nacional | Editora: Pedrazul | Formato: Físico | Edição: 1ª | ISBN: 978-85-66549-00-0 | Idioma: Português | Ano: 2017

  COMPRAR  



Sobre a autora:
A paulista Silvia Spadoni se formou pela Faculdade de Direito do Largo de São Francisco – USP e trabalhou como advogada durante grande parte de sua vida. A escrita faz parte de um projeto de reinvenção pessoal. Ela é apaixonada pelo livro e, como ela mesma se define, é uma leitora bem vivida. Começou cedo quando ganhou do seu pai as coleções de Julio Verne e As 1001 Noites com as aventuras de Sherazade, presente que ela guarda até hoje. Leu os clássicos nacionais, Agatha Cristie – ela adora Hercule Poirot – Sidney Sheldon, Judite Krantz e também é fã de Jane Austen e das irmãs Brontë. Nos últimos tempos descobriu os autores suecos e dinamarqueses, como Stieg Larsson, por exemplo. Ama viajar e narra em seus romances o que conheceu, embora retroceda alguns séculos para descrevê-los, pois em um livro de época é mais fácil ser romântica, como ela diz. A autora tem planos de morar um tempo no exterior, mas continuar a escrever. É casada há 31 anos, tem três filhos e um schnauzzer muito amado de 13 anos. 








Deixe um comentário: