A Princesa do Reino de Nova toma acidentalmente uma poção do amor, e se apaixona por si mesma! Para encontrar um antídoto que possa curá-la, o rei mobiliza todos numa expedição chamada Caçada Selvagem. Competidores do mundo todo saem em busca dos mais raros ingredientes em florestas mágicas e montanhas geladas, enfrentando perigos e encarando a morte para encontrar a fórmula da poção secreta. Dentre eles, está Samantha, uma garota comum que herdou dos seus ancestrais alquimistas o talento para preparar poções. Esta pode ser a oportunidade para reerguer a decadente loja de poções da família, afinal o mundo todo estará acompanhando a Caçada nas mídias sociais. Será que ela conseguirá descobrir a cura e salvar a Princesa?

Ficha Técnica:
Páginas: 368 | Gênero: Ficção; Fantasia |  Formato: Físico | Editora: Jangada | Edição: 1ª | ISBN: 978-85-5539-082-1 | Idioma: Português | Ano: 2017

Onde Comprar     AMAZON       SARAIVA   




E aí, tem algum fã de literatura fantástica por aí? Bom, eu sou super fã do gênero, amo todo esse universo mágico cheio de possibilidades que só a fantasia tem para oferecer. E a minha resenha de hoje é justamente sobre um livro assim, cheio de magia. A Poção Secreta me conquistou logo de cara, a capa do livro é simplesmente linda, pessoalmente é ainda mais, e a diagramação também é super delicada, tudo se complementando com perfeição. A obra nos apresenta um enredo leve, dinâmico e super envolvente, que me proporcionou momentos prazerosos. Se esse é o tipo de leitura que você gosta, então vem comigo que eu te conto um pouquinho mais sobre a história e tudo o que eu achei dela.

O Reino de Nova estava em festa, pois a adorada Princesa Evelyn estava completando seus dezoito anos com uma celebração digna da realeza. Mas, toda a alegria vira desespero quando a jovem Princesa toma por acidente uma poção do amor feita por ela, e, ao se olhar no espelho, acaba apaixonando-se por si mesma. Agora, a vida da jovem corre perigo, assim como todo o Reino; o equilíbrio de Nova depende da saúde da Princesa. A poção do amor foi banida épocas atrás por ser altamente perigosa, mas diante dos acontecimentos, um antídoto precisa ser descoberto, e para isso, é anunciada a tradicional Caçada Selvagem, que não era realizada há mais de sessenta e cinco anos. A Caçada reúne alquimistas de todas as partes que precisam desvendar a composição certa da poção secreta; eles correm contra o tempo e enfrentam diversos tipos de perigos para encontrar os mais raros ingredientes e criar a fórmula adequada.


Entre os competidores selecionados está Samantha Kemi, uma garota comum, que não possui poderes mágicos como muitos outros habitantes de Nova, mas que herdou um dom excepcional de seus antepassados alquimistas. A jovem é aprendiz de seu avô e trabalha juntamente com ele na loja de poção da família, a Loja de Poções Kemi. Os Kemis são muitos respeitados entre os alquimistas, e por gerações foram considerados os melhores e os mais procurados de Kingstown, possuindo, inclusive, a confiança da família real. Mas com o avanço da tecnologia e com a introdução das poções sintéticas no mercado com um preço mais acessível que a tradicional, os alquimistas foram perdendo o seu espaço e tornando-se absoletos. Com isso, a loja dos Kemis, assim como muitas outras boticas, vem sendo cada vez menos procurada, e as coisas vão de mal a pior. Contudo, Sam está disposta a reerguer o negócio da família que estão cada vez mais decadentes e continuar o legado de seus ancestrais. A Caçada Selvagem é a oportunidade que Samantha tanto precisava, e ela irá se empenhar com toda a sua força para mostrar todo o seu potencial, salvar a vida da Princesa e também a sua tão amada loja. Nessa jornada cheia de riscos, ela contará com a ajuda e o apoio incondicional de sua família, de seus amigos, Arjun e Anita, que também estão participando da Caçada, e de sua fiel Coletora (pessoa que sabe onde encontrar e coletar os melhores ingredientes), Kristy. Sam encontrará muitas dificuldades e muitos obstáculos em seu caminho, mas a intrépida aprendiz honrará – com orgulho – o nome da família e não se dará por vencida sem lutar.


“Temos que tomar muito cuidado. É de uma caçada Selvagem que estamos falando aqui e já cometemos o maior erro: subestimar os adversários”

“Há mais uma coisa que não consigo identificar, como as peças de um quebra-cabeça. Eu posso senti-los se fundindo para formar a poção do amor, cada ingrediente acrescentando uma qualidade diferente. E mais do que isso, posso visualizar a poção e os meus dedos já coçam para começar.”

Amy Alward nos apresenta uma história cheia de personalidade, que me envolveu facilmente em seu enredo instigante. Com cenários bem descritos e detalhados com muita destreza, a autora nos faz viajar por entre as páginas desta trama repleta de aventuras, perigos, seres encantados e poções mágicas. A narrativa flui com naturalidade, e possui capítulos narrados por Samantha e pela Princesa Evelyn. Adorei acompanhar as descobertas de Sam e vibrei com cada etapa que ela conseguia ultrapassar, a cada ingrediente que ela conseguia desvendar e acrescentar a sua poção. Falando em poções, não posso deixar dizer que esta era sem dúvida, a parte que eu mais gostava. Samantha é uma personagem muito inteligente, corajosa e persistente, que ganhou minha simpatia logo de cara. Os personagens secundários também cativaram a minha afeição, principalmente a família de Sam (até mesmo seu avô ranzinza), seus amigos Arjun e Anita e, claro, a eficiente e destemida Kristy. A trama também possui uma pitadinha de romance, que não podia faltar, e que foi trabalhada de forma leve e sutil. O famoso e belo, Zain Aster, filho do dono da Zoroaster, a maior corporação de poções sintéticas existentes (e também o maior rival dos alquimistas, principalmente dos Kemis), fará nossa querida Sam suspirar apaixonadamente.


Aqui fica a minha dica de um livro que vai agradar a todas as idades. A Poção Secreta vai te proporcionar uma leitura fantástica e extremamente empolgante.




Sobre a autora:





Amy Alward é uma autora inglesa Secreta que descobriu seu talento para escrever quando era diretora editorial de uma grande editora de livros infantis. Em 2013, foi apontada pela revista Bookseller como uma estrela em ascensão na cena literária. Seu romance de estreia, intitulado The Oathbreaker's Shadow, foi indicado em 2014 para o Prêmio Branford Boase na categoria melhor livro de estreia de literatura jovem do Reino Unido.











Deixe um comentário: