Caçula de três irmãs, Angela DeSaria já tinha traçado sua vida desde pequena: escola, faculdade, casamento, maternidade. Porém, depois de anos tentando engravidar, o relacionamento com o marido não resistiu, soterrado pelo peso dos sonhos não realizados.
Após o divórcio, Angie volta a morar na sua cidade natal e retorna ao seio da família carinhosa e meio doida. Em West End, onde a vida vai e vem ao sabor das marés, ela conhece a garota que mudará a sua vida para sempre.
Lauren Ribido é uma adolescente estudiosa, bem-educada e trabalhadora. Apesar de morar em uma das áreas mais decadentes da cidade com a mãe alcoólatra e negligente, a menina sonha cursar uma boa faculdade e ter um futuro melhor.
Desde o primeiro momento, Angie enxerga em Lauren algo especial e, rapidamente, uma forte conexão se forma: uma mulher que deseja um filho, uma menina que anseia pelo amor materno. Porém, nada poderia preparar as duas para a repercussão do relacionamento delas. Numa reviravolta dramática, Angie e Lauren serão testadas de forma extrema e, juntas, embarcarão em uma jornada tocante em busca do verdadeiro significado de família.

Ficha Técnica:
Páginas: 352 | Gênero: Romance; Ficção; Literatura Estrangeira | Formato: Físico; E-book | Editora: Arqueiro | Edição: 1ª | ISBN:  9788580417692 | Idioma: Português | SKOOB

Onde Comprar ▶     AMAZON        CULTURA        SARAIVA    





Cá estou eu em mais uma estreia. Nunca havia lido nada da autora Kristin Hannah, e vou dizer que minha primeira impressão não poderia ter sido melhor. Em “As coisas que fazemos por amor” fui abatida por um misto de sentimentos, onde me vi completamente apaixonada por essa história tão intensa, tão marcante, tão cheia de amor.

Angie era uma mulher bem sucedida, tinha uma boa família, um marido amoroso e uma vida sem grandes preocupações. Porém seu maior sonho era ser mãe, e esse ela nunca havia realizado, o que a deixava incompleta. 

Mesmo com seu marido atencioso, após várias tentativas de engravidar fracassadas, ela vê seu casamento se desfazer e então acha que é chegada a hora de desistir do seu maior sonho.

Após o fim, Angie volta para sua cidade natal, West End, e se joga em um projeto, que era o maior orgulho do seu pai, para tentar esquecer o sofrimento de nunca ter conseguido realizar seu maior sonho.


"Angie sorriu. Passara tantos momentos naquela cozinha, com aquelas três mulheres... Não importava quantos anos vivesse ou que direções a vida tomasse, aquele sempre seria o seu lar: a cozinha de Mama, onde se sentia segura, acolhida e amada. Embora ela e as irmãs tivessem optado por vidas diferentes e tendessem a se intrometer muito nas escolhas das outras, eram como fios de uma mesma corda. Juntas, eram fortes. Angie precisava voltar a ser parte disso; andava se lamentando sozinha havia tempo demais."

Lauren é uma adolescente de dezessete anos que tem muitos motivos para não ser uma garota alegre e sem muitas preocupações, como todas da sua idade. Com uma mãe alcoólatra, ela precisa trabalhar para ter onde morar e o que comer. Tão nova e com responsabilidades de um adulto, ela ainda dá duro para estudar e conseguir manter sua bolsa de estudos que conseguiu em um colégio particular.

Uma garota de dezessete anos tem muitos sonhos, Lauren também, porém o maior sonho da vida dela é que sua mãe fosse uma mãe amorosa, carinhosa, que se preocupasse genuinamente com ela, com sua vida, com seu bem estar, com as coisas simples da vida que uma mãe deveria fazer por uma filha. 


"Algumas coisas na vida, porém, não se podiam procurar. Só se podia esperar por elas. Como o clima. Às vezes você olha para o horizonte e vê um bando de nuvens de tempestade. Mas isso não garante que vá chover no dia seguinte. O dia pode também ser claro e ensolarado."

Necessidades parecidas. Muito amor para ser dado, recebido e vivido. Então o destino, a vida resolvem juntar Angie e Lauren. Coisas acontecem e, apesar da ligação especial que existe entre as duas, elas irão perceber que há muita coisa a superar e a aprender. Elas aprenderão juntas e vão descobrir que há coisas que realmente só se faz por amor.


“Algumas coisas acabam, Mira.
O amor não deveria ser uma delas.”


Com essa história maravilhosa podemos refletir sobre a importância da família, do amor, do perdão e de jamais desistir de algo que se quer muito, daquele sonho que rege sua vida. Simplesmente amei e confesso que fiquei querendo mais umas duzentas páginas de leitura.

Não deixem de ler e se encantar com Angie e Lauren. E claro, com a maravilhosa Kristin que teve o poder de criar personagens tão espetaculosos e uma história incrível.




Sobre a Autora:






Kristin Hannah é autora de 18 livros que já venderam mais de 8 milhões de exemplares no mundo. Ela largou a advocacia para se dedicar à sua grande paixão: escrever. Tem um filho e mora com o marido no noroeste dos Estados Unidos e no Havaí.








Deixe um comentário: