Sinopse: A tumultuada história de James e Bianca continua na sequência de In Flight.
James iniciou Bianca em um mundo sombrio e viciante de paixão e dor. Ele a ensinou sobre sua própria natureza submissa e masoquista, e ela se apaixonou rápida e profundamente pelo inegavelmente charmoso e impossivelmente lindo Sr. Cavendish. Porém, um mal-entendido doloroso e o retorno do demônio brutal do seu passado vão deixar Bianca oprimida pelos sentimentos. Confusa e ferida, ela se afasta.
Mais de um mês já se passou desde o ataque chocante que a deixou hospitalizada e desde que disse ao perturbado James que precisava de um tempo, mas seus sentimentos não desapareceram. Até mesmo ela sabia que era uma questão de tempo até que ele pudesse lançar seu feitiço sobre ela novamente.

Ficha Técnica:
Páginas: 336 | Gênero: Romance; Ficção; Literatura Estrangeira | Formato: Impresso | Edição: 1ª | ISBN: 9788568056479 | Editora: Charme | Idioma: Português | Ano: 2017 | SKOOB

Onde Comprar:    AMAZON        LOJA CHARME        SARAIVA     


Que eu amo essa série vocês já devem saber, afinal, deixei bem claro todo o meu amor por ela na resenha de In Flight, postada no início dessa semana (leia aqui), mas é sempre bom ressaltar né?! Pois então, Nas Alturas é uma série que tenho um carinho todo especial, e não importa quantas vezes vou reler, sempre sentirei que é a primeira vez que estou lendo. A série aborda tudo o que o meu coração romântico gosta: romance (é lógico!), erotismo, casal apaixonante, amizade verdadeira, um pouquinho de clichê (eu gosto, me julguem!) e uma pitada de drama. Claro que a história tem seus pontos fracos, situações que eu acho que não deveriam ter acontecido ou acontecido de outra forma, mas isso para mim não apaga o brilho da narrativa e nem diminui o meu carinho por ela.


Tetarei falar o mínimo possível da trama, então, se você ainda não leu o primeiro livro, poderá acompanhar esta resenha sem problemas. Mas, de qualquer forma, não leia Mile High sem antes ter lido o seu antecessor, pois esta é a continuação da história. Em In Flight nós acompanhamos o início do intenso relacionamento de James e Bianca. A princípio tudo seria simplesmente baseado em prazer, sem sentimentos envolvidos, mas quanto mais tempo passam juntos, descobrindo-se, eles percebem que existe algo muito maior que isso. E não resta outra opção a Bianca a não ser se entregar a James, um homem que demostra a todo momento que quer muito mais que seu corpo, ele quer possuir também seu coração, seus sentimentos. Deixando então seus receios de lado, Bianca começa a se entregar aos pouquinhos a essa paixão arrebatadora que os consomem. Quando tudo estava caminhando na perfeita harmonia, uma sucessão de acontecimentos fazem tudo degringolar. E é assim que termina o primeiro livro, cheio de tensão, o que deixa o leitor desesperado pelo próximo.


"Uma mudança acontecia em mim quando eu estava perto do James. Uma mudança que eu não tinha certeza  se gostava. Ele me fez me apaixonar por ele apenas em uma semana depois de eu tê-lo conhecido. E, se isso não fosse maluco, eu não sabia o que era."

Mile High dá continuidade aos acontecimentos turbulentos do livro anterior. De um lado temos James tentando incansavelmente mostrar a Bianca o quanto ela é importante para ele, que nunca teve a intensão de feri-la, que tudo o que fez foi para manter o relacionamento deles seguro e longe dos holofotes. Do outro lado temos Bianca tentando se recuperar do ataque que sofreu, do "circo" que sua vida virou, além de tentar se manter afastada o máximo possível de James. Tudo o que ela precisa é de espaço para digerir todos os fatos que aconteceram recentemente em sua vida, e por isso ela resolve se afastar. Contudo, chega um momento em que a saudade fala mais alto, e manter-se afastada de James é algo que ela não consegue mais fazer. E assim começa uma nova fase no relacionamento desse casal, onde haverá muito mais entrega de ambas as partes. No entanto, ainda há algumas coisas a serem superadas e outras a serem reconquistadas, além disso, muitos fantasmas estarão rondando a vida deles, testando os seus sentimentos, suas convicções. O passado traumático e obscuro de Bianca está de volta, colocando sua vida em risco, trazendo velhos medos e apresentando novas revelações. Antigos relacionamentos de James também aparecem prontos para melar o relacionamento do casal, e a mídia suja ainda adiciona um pouco mais de turbulência a essa mistura.


"– Você é uma pessoa especial. Você é a pessoa mais especial do mundo para mim. Não sei como fazer você enxergar e sentir isso."
"Sua alma era um espelho da minha. Talvez sua reivindicação insana de que éramos feitos um para o outro não estivesse tão errada assim. Eu o conhecia há tão pouco tempo, mas às vezes sentia que podia lê-lo tão perfeitamente, tão naturalmente, que me surpreendia."

Mais uma vez R. K. Lilley vem apara arrebatar nossos corações. Sua escrita é deliciosa e viciante, o que permite que a leitura flua com imensa facilidade. É impossível não cair ainda mais de amores por James, que veio nesse livro pronto para conquistar de vez o coração de Bianca e acaba levando o nosso no processo. Suspiros e mais suspiros! Bianca por outro lado ainda ficará na corda bamba, cheia de dúvidas, de medos, inseguranças e de incertezas, mas aos pouquinho ela vai cedendo, se abrindo. Eles ainda enfrentarão muitos percalços pelos caminhos, mas todas as dificuldades só servirão para uni-los cada vez mais. O casal também me irrita em alguns momentos, Bianca então... Porém, essas imperfeições só me encantam mais. Eles são perfeitos um para o outro, não há como negar. Não vou me prolongar muito falando sobre eles, pois na resenha do livro interior eu já faço isso, não quero ser repetitiva (rs), já que minha opinião não mudou. Só posso reafirmar que, Bianca e James formam um dos meus casais literários favoritos.


"– Você me faz muito feliz, Bianca. Eu nunca soube que a vida poderia ser assim (...) Você é meu lar. Todas as sombras escuras parecem desvanecer quando estamos juntos."

Novos personagens também chegam para abrilhantar ainda mais essa história. Tudo bem que alguns vieram só para atrapalhar, e tudo o que agente quer é esganá-los. Mas faz parte, né?! Meu personagens secundário favorito continua sendo o Stephan, e meu amor por ele aumentou ainda mais. Quem não gostaria de ter uma amigo como ele ao seu lado?

Quente, sensual, tenso, romântico, emocionante, apaixonante e em alguns momentos até um pouco irritante. Acho que essas palavras definem bem como eu vejo Mile High. Gosto da fórmula da história, da forma como a autora dosa as coisas, não deixando com que o enredo se torne maçante ou arrastado, ou até mesmo vazio. Pelo contrário, ele possui bastante sentimento, emoção, situações duras, mas reais, e ainda assim, é leve e descontraído. Sem esquecer que, se tem uma coisa que Bianca e James sabem fazer é elevar a temperatura do ambiente (ai, ai!), protagonizando cenas memoráveis e quentíssimas. Ah, não posso deixar de mencionar que o BDSM está mais presente nesse volume, haverão mais cenas abordando esse mundo.


O final de Mile High também é tenso, não tanto quanto o seu antecessor, mas, mesmo assim, deixa um super gancho para o próximo livro. Outro ponto que merece ser ressaltado é a parte física do livro, que conta com um trabalho primoroso realizado pela Editora Charme. Elas sempre arrasam no capricho! E, querida Charme, pelo amor dos deuses literários, não demore muito para lançar o próximo livro. Meu coraçãozinho agradece! ;)



RESENHAS:
In Fligth, livro 01
Mile High, livro 02
Grounded, livro 03 (em breve)
Mr. Beautiful, livro 04 (em breve)





Sobre a autora:

R.K. Lilley é a autora da série bestseller Up In The Air, entre outros livros.

Mora no Texas com seu marido e seus dois filhos, e já trabalhou em vários lugares, mas jura que só soube o que era trabalho duro quando teve os filhos.

Sempre foi viciada, desde que ela consegue se lembrar, em ler e escrever histórias de ficção e romances.Ela gosta de viajar, ler, caminhar, pintar, jogar, assistir animações, e aproveitar ao máximo de cada dia.

Atualmente ela está trabalhando em vários livros.













3 Comentários

  1. Olá, olá! Conheci essa série recentemente e fiquei apaixonada! Assim que terminei o primeiro livro fiquei louca para começar o segundo, e quase chorei pq não tinha ele ainda. Mas enfim consegui comprar Mile High e já já vou começar a ler. A resenha só me deixou ainda mais empolgada e ansiosa!

    ResponderExcluir
  2. Como eu amo essa série! Li faz muito tempo e pretendo reler quando a charme lançar o terceiro volume.

    ResponderExcluir
  3. Ah, James é o cara! Impossível não se apaixonar por ele!

    ResponderExcluir